Por que verificar a pressão dos pneus?

Você deve verificar a pressão dos pneus pelo menos uma vez por mês.

  • Dicas rápidas: Como verificar a pressão do pneu?
  • Você terá uma leitura mais precisa se verificar a pressão quando os pneus estiverem frios.
  • Consulte o manual do veículo para saber a pressão recomendada para os pneus dianteiros e traseiros.
  • Use um calibrador confiável para pressurizar os pneus, com manômetro funcionando corretamente.
  • Faça a leitura da pressão (PSI) em cada pneu e compare com o manual do veículo.
  • Ajuste a pressão mais alta ou mais baixa de acordo com a pressão recomendada para seu pneu, levando em consideração a carga do seu veículo.

Muitos acidentes são causados por pneus com pouca pressão. Se você ainda não está verificando seus pneus, é hora de começar a verificar seus pneus todos os meses. Você economizará dinheiro e poderá salvar vidas.

Uma vez a cada poucos meses é suficiente? Não, não é. Existem muitas razões pelas quais você precisa verificar a pressão dos pneus regularmente.


Economize. Os pneus se desgastam mais rápido se estiverem com pouca pressão e de forma irregular se estiverem com muita pressão – por isso, nos dois casos, você precisará comprar pneus novos com mais frequência. O cuidado adequado estabiliza a estrutura do pneu e pode prolongar a vida média de um pneu em incríveis 7.500 km. Você também economizará combustível: se os pneus estiverem com pouca pressão, o veículo consumirá mais combustível por quilômetro percorrido e, assim, alcançará menor quilometragem.


Desfrute de um passeio mais confortável. Pneus inflados adequadamente influenciam a capacidade de resposta do veículo, seu manuseio e desempenho. O que nos leva ao próximo ponto.


Segurança em primeiro lugar. Se os pneus estiverem com pouca ou muita pressão, a dirigibilidade é afetada. A dirigibilidade torna-se lenta se os pneus estiverem com pouca pressão e perigosos se estiverem com muita pressão, especialmente se você estiver fazendo curvas em alta velocidade. Distância de parada, aderência de frenagem e estabilidade direcional são afetadas. À medida que os pneus lutam para permanecer na estrada, o calor se acumula, tornando as explosões mais prováveis e aumentando as chances de um acidente grave.


Considere o meio ambiente. Se os pneus do seu carro estiverem com pouca pressão, de apenas 4 PSI a menos, a resistência ao rolamento é aumentada. Assim, seu veículo consumirá cerca de 1,5% mais combustível e, portanto, liberará mais CO2. Calibragem adequada significa um equilíbrio perfeito entre segurança máxima e economia de combustível. Seus pneus durarão mais e você reduzirá a emissão de carbono.


Como verificar a pressão dos pneus?

A pressão dos pneus é expressa PSI (pounds per square inch). Baseia-se no peso e no tamanho de um veículo e é importante usar exatamente a pressão recomendada pelo fabricante para o seu veículo. Isso garantirá segurança e desempenho ideal.

Verifique a pressão a cada duas a quatro semanas e sempre antes de partir em viagens mais longas ou se estiver carregando cargas adicionais.


Pneus frios. Você obterá uma leitura mais precisa se verificar a pressão quando os pneus estiverem frios, antes que a temperatura externa suba e os pneus sejam expostos à luz solar direta. Se a temperatura externa aumentar 10 graus Fahrenheit, a pressão dos pneus aumentará 1 PSI. No inverno, em alguns climas, os pneus podem sofrer uma queda de até 5 PSI


Consulte o manual do veículo. Identifique a pressão recomendada pelo fabricante do veículo para os pneus dianteiros e traseiros. Esta é a quantidade mínima de pressão de ar necessária em pneus frios para apoiar o seu veículo. Você provavelmente verá duas figuras, uma para uso normal e outra para cargas completas; será algo como “35 PSI”. Você encontrará isso no manual do veículo no carro, dentro da tampa do depósito de combustível ou no batente da porta do motorista. Caso não encontre, consulte a concessionária, montadora ou profissional qualificado.


O manômetro. Use um manômetro confiável e preciso para pneus, você pode comprar um em um revendedor de autopeças ou encontrar em postos de gasolinas de forma gratuita. Existem os medidores digitais, que são operados por bateria, ou medidores do tipo bastão mais tradicionais.


Verifique a pressão dos pneus. Remova a tampa da válvula de ar do pneu e a guarde. Coloque o manômetro na válvula do pneu, pressione-o com rapidez e firmeza até que o som da fuga de ar pare. O manômetro no agora mostrará uma leitura do PSI. Compare isso com a recomendação do fabricante.


Ajuste a pressão. Se a leitura estiver acima da recomendação, empurre a válvula para deixar sair um pouco de ar. Você pode fazer isso algumas vezes até que o manômetro mostre a leitura correta. Se a leitura do PSI estiver abaixo da recomendação, use um compressor de ar (o calibrador no posto de gasolina, se você não possui um) para encher o pneu com ar até atingir o nível correto. Recoloque a tampa da válvula firmemente e repita o processo com os três pneus restantes, mais o estepe.